Early Adopters: quem são e por que você deve encontrá-los

Você provavelmente já ouviu falar em early adopters, mas não tem clareza sobre o que termo significa ou a importância deles para uma startup? É sobre isso que vamos falar neste texto. Em uma tradução literal, o conceito fala sobre os primeiros clientes do seu negócio. Mas o que tem de tão especial nisso?

Pare agora e pense na última vez que você experimentou um restaurante que recém abriu e não se sabe nada sobre ou baixou um aplicativo que acabou de ser lançado, ainda sem reviews. Uma grande parte das pessoas tende a consumir os mesmos produtos e serviços de sempre, seja por comodismo ou por medo de que a uma nova experiência possa ser ruim. Ou, ainda, esperam que outros testem e façam suas recomendações ou não sobre aquela experiência.

Porém, existe um outro grupo que é muito a favor de viver novas experiências e não tem medo de correr riscos no que diz respeito a novos produtos ou serviços. São estes usuários que você quer encontrar para a sua startup, afinal você está começando e precisa de pessoas dispostas a testarem a sua solução. Estes são os early adopters! Mas este é somente o começo sobre esse tema e sobre os benefícios desta comunidade para a sua startup.

Quer entender mais? Então vamos lá!

 

Quem são e por que os early adopters são tão importantes para uma startup?

 

Como falamos acima, os early adopters são aquela parcela de consumidores que amam uma novidade. Eles estão sempre testando coisas novas e são os primeiros a comprar um lançamento. São eles que acabam passando as suas impressões para o mercado sobre aquele produto ou serviço e com isso apresentam um grande poder de influência naqueles os quais se arriscam menos e buscam mais segurança na hora de comprar. 

Este termo surgiu a partir do teórico e sociólogo Everett Rogers, que definiu uma série de conceitos e etapas do processo de difusão da inovação. Ele identificou cinco categorias, são elas:

 

#1 Os Inovadores: grupo de pessoas que está por trás de projetos, serviços e tecnologias que são inovadores no mercado.

 

#2 Os Early Adopters: são os primeiros usuários que testam as inovações e estão dispostos a dar feedbacks sobre.

 

#3 A Maioria Antecipada: grupo maior de pessoas que irão aderir a um novo produto após os early adopters, mas ainda possuem um poder de influenciar outros usuários.

 

#4 A Maioria Tardia:  são os usuários que aparecem em um segundo momento, diretamente influenciados pelos grupos anteriores.

 

#5 Os Retardatários: grupo mais conservador e que adere mais tardiamente aos produtos inovadores do mercado.

 

Como encontrar e o que buscam os early adopters?

 

Encontrar os early adopters do produto da sua startup é estratégico para o go to market, porque irão potencializar a divulgação da solução, além de gerarem segurança para demais usuários. Além disso, eles estão super dispostos também a compartilharem com você feedbacks que irão aprimorar ainda mais o produto.

 

Por isso, separamos algumas dicas para entender ainda mais sobre esses usuários:

 

Eles fãs de novidades e inovação

Como você já viu até agora, os early adopters não ficam na zona de conforto quando se trata de novos produtos ou serviços. O ponto positivo é que eles já estão dispostos a mudar de hábitos e se sentem confortáveis em mudar. O foco aqui é mostrar o valor do produto e os ganhos que eles terão com essa solução.

 

Eles são críticos, aproveite

Outra grande vantagem desse grupo de usuários é que eles são críticos: estão por dentro das últimas tecnologias e lançamentos, possuem referências e sabem bem avaliar os pontos positivos e negativos de um produto. Escute seus feedbacks e utilize essa fonte para fazer os ajustes necessários.

 

Eles são formadores de opinião

Você provavelmente conhece alguém que sempre aparece com o que há de mais novo no mercado da tecnologia. Pessoas assim viram referência rapidamente e acabam virando uma fonte tanto para quem quer saber em qual solução apostar ou para ouvir reviews dos produtos. Pois é, os early adopters gostam de compartilhar suas experiências novas e rapidamente viram formadores de opinião para que está ao seu redor, presencial ou digitalmente. Sendo assim, tanto podem chegar facilmente até sua startup ou podem ser procurados ativamente para uma parceria.

 

Eles são criteriosos, não se engane

Falamos até aqui o quanto os early adopters estão dispostos a testar o novo, mas isso não significa que eles não possuem critérios. Para atrair esse público é necessário sim provar o valor da solução. E mais: eles não são cobaias e nem irão converter se você os tratar assim. O grande foco é mostrar como eles serão importantes para o negócio e o quão valiosa será a contribuição deles para o aprimoramento do produto.

 

Normalmente, esses usuários costumam se reunir em grupos, comunidades e fóruns sobre um determinado nicho para trocar experiências e estarem sempre por dentro das novidades. Nestes locais é um ótimo espaço para inserir o seu produto, provar o seu valor e conquistar a atenção – e o valioso feedback – dos early adopters.

Estes espaços são preparados justamente para isto: conhecer novos produtos e avaliar. Por isso, vale a pena entender o seu segmento de mercado e partir para um mapeamento destas comunidades ou ainda de grandes influenciadores que marcam presença principalmente no Instagram e YouTube.

Lembrando que é essencial estar aberto e ouvir os feedbacks para o melhoramento do produto, assim você está construindo um poderoso Go to Market da sua startup.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja nossos outros posts :)

Estamos só começando.

tudo-sobre-okr

Tudo o que você precisa saber sobre OKR

Definir metas, criar um planejamento e medir e acompanhar os resultados é o framework básico para um negócio saudável e bem sucedido. Porém, por mais

Sua Evolução começa aqui.

Se inscreva para acompanhar :)